declaracao do carro no ir como fazer

Declaração do carro no IR: como fazê-la no Imposto de Renda 2020

Com a Covid-19 assolando o dia a dia dos brasileiros, a Receita Federal postergou o envio do Imposto de Renda 2020 (exercício 2019). O prazo aumentado termina em 30 de junho. Entre todas as informações que precisam ser entregues ao órgão, está a declaração do carro no IR.

Quem tem certificação digital poderá ficar mais sossegado. É que o próprio programa se encarregará de pré-preencher os dados, bastando apenas a verificação e a confirmação.

A história muda quando o caso for voltado aos marinheiros de primeira viagem ou àqueles que precisam adicionar novas aquisições ou vendas. E para ajudá-lo em sua busca por informações, a Geração Hyundai preparou este breve, mas completo conteúdo. 

Veja algumas das perguntas mais comuns que andam circulando na internet.

Boa leitura!

É necessário adicionar o Renavam à declaração do carro no IR?

Da mesma forma que nos anos anteriores, incluir a informação do Renavam à declaração do carro no IR é opcional. No entanto, a Receita Federal recomenda, e a razão é simples: quanto maior o detalhamento, mais alta fica a sua credibilidade.

Informações de compra e venda devem constar na declaração do carro no IR?

A partir do momento do registro das informações, as instituições tributárias farão uma checagem no cruzamento de dados para verificar a veracidade. 

Quanto mais transparente você for, menores as chances de ser pego na malha fina.

Como fica a declaração para o caso de pessoas com deficiência (PCDs)?

Mesmo com os descontos normalmente direcionados às pessoas com deficiência, o momento da declaração é único para todos os perfis. No campo “discriminação”, qualquer cidadão deverá inserir o motivo que levou a uma eventual redução nos valores finais.

Empréstimos adquiridos de terceiros para a aquisição de um carro: como fica na declaração do IR?

1 – Informe o valor total do veículo;

2 – Na guia seguinte, declare a dívida em um campo específico.

Com os dois procedimentos, a justificativa para adquirir um veículo é plausível e faz com que a pessoa não seja pega pelo Leão.

Afinal, como fazer a declaração do carro no IR?

Vamos ao passo a passo para ajudá-lo a fazer a declaração do carro no IR, sem nenhum tipo de transtorno. Veja:

1 – Baixe o programa para a declaração do IRPF 2020;

2 – Ao iniciar uma declaração em branco, preencha seu CPF e demais dados;

3 – Selecione a aba “Bens e Direitos”;

4 – Clique em “Novo” e procure pelo código “21 – Veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto, etc”;

5 – Preencha as informações solicitadas e lembre-se que, apesar de não ser obrigatório, é uma boa ideia inserir o Renavam;

6 – Clique em OK e o arquivo estará salvo!

Agora que você está pronto para fazer a declaração do carro no IR 2020 (e em todos os demais anos)…

Que tal adquirir um Hyundai novinho em folha!? São quatro modelos importados, com a garantia de uma das marcas mais idôneas do mercado.

A única dúvida que restará a você, será tomar a decisão entre ficar com:

O que você está esperando. Agende já o seu Test Drive!

Deixe um comentário!

comentários